Home > Serviços > Acção Social > Apoio Social

O Apoio social é um serviço prestado por uma equipa técnica multidisciplinar, que tem por principal objetivo a facilitação do acesso à cidadania e ao bem-estar dos indivíduos e dos seus agregados familiares.
Os atendimentos sociais devem ser solicitados mediante marcação prévia na secretaria da Junta de Freguesia.
No âmbito dos atendimentos é realizado um diagnóstico social que permite apurar as necessidades e os recursos existentes para a resolução das problemáticas apresentadas e definidas as estratégias para a promoção da integração social e a autonomia dos beneficiários.
O processo de apoio centra-se na pessoa e na sua interação com os diferentes sistemas sociais, adaptando-se o apoio às necessidades, perfis e na capacitação para o acesso a melhores condições de vida.

Emergência Social – Apoios

Os apoios de emergência são concedidos como salvaguarda das condições mínimas de sobrevivência, que, de acordo com critérios pré-definidos, visam a promoção da equidade social. Trata-se de um apoio pontual para intervenção em situações de crise, sendo uma resposta da Junta de Freguesia de Alcântara para apoiar as famílias ou indivíduos que se encontram em situação de desfavorecimento social.
Estes apoios de emergência poderão ser posteriormente complementados com o acompanhamento do serviço social, bem como com o encaminhamento e articulação com outros serviços da Junta de Freguesia ou e/outras respostas das instituições parceiras, com vista a um processo de integração social sustentável e autónomo.


Inserção na Vida Ativa – Emprego e Formação Profissional

Desde Setembro de 2014 que, através de um protocolo de cooperação com os serviços de emprego e formação do IEFP, são realizadas nas instalações da Junta de Freguesia as apresentações periódicas de desempregados. Esta resposta promove a descentralização dos serviços do IEFP, facilitando a deslocação dos beneficiários, num horário mais alargado e complementando-se com outras respostas de apoio à procura de emprego promovidas pela Junta de Freguesia.
Mediante marcação prévia na Secretaria, é possível a realização e atualização de currículos, cartas de apresentação, procura de emprego através da internet, entre outras respostas de apoio, como a preparação para entrevistas de emprego e apoio a nível do vestuário adequado.
É igualmente dinamizado o GEPE onde, em grupo, são trabalhadas questões relacionadas com a procura ativa de emprego, motivação, estratégias de superação de dificuldades, numa lógica de cooperação e partilha entre os participantes.
Também para o apoio à (re)integração na vida ativa são publicitadas ofertas de emprego e formação num espaço de fácil acesso a todos os interessados.
Os currículos realizados /atualizados integram a bolsa de emprego e são disponibilizados, quando solicitados por entidades empregadoras (mediante aceitação dos potenciais candidatos a emprego).


Projeto Alcântara Solidária Partilha

Numa ótica de reutilização e não desperdício de bens, este projeto tem como objetivo a partilha e o estreitamento da solidariedade de forma a contribuir para a atenuação de carências económicas.
A aceitação de doações de vestuário, calçado, brinquedos, material técnico (cadeiras de rodas, camas articuladas, bengalas, etc.) mobílias, eletrodomésticos, livros e material escolar é permanente.
Dentro do projeto base insere-se, por exemplo, a distribuição de livros escolares recolhidos através da Junta de Freguesia.
Se tem algo que já não precisa e que poderá ser útil a outro Alcantarense, por favor entre em contacto com a secretaria da Junta de Freguesia.


BIP – ZIP

A Junta de Freguesia é promotora de dois Projetos BIP ZIP na freguesia. O Programa BIP ZIP, financiado pela CML, funciona por candidatura de projetos de intervenção nos territórios identificados pela CML, como zonas de intervenção prioritária.
Alcântara concentra duas destas zonas, sendo elas o Bairro do Alvito e o Bairro da Quinta do Cabrinha.
No Bairro do Alvito, juntamente com a Associação Alkajuda, foi proposta uma intervenção dividida nos eixos de intervenção comunitária, através do apoio ao associativismo e coesão social, apoio ao emprego e integração social, apoio aos idosos através de atividades de apoio domiciliário e dinamização de atividades de prevenção de comportamentos de risco e apoio ao sucesso escolar das crianças e jovens. Trata-se de uma zona da freguesia com grande carência de respostas sociais, pretendendo-se não só o apoio no bairro, mas também a integração do bairro na freguesia.
No Bairro do Cabrinha, juntamente com o Projeto Alkantara e a Junta de Freguesia de Campo de Ourique, pretende-se uma intervenção centralizada no fortalecimento da identidade social do Bairro, através do envolvimento dos moradores, coletividades e instituições sociais na dinamização de atividades de melhoramento das condições físicas dos Bairros do Vale de Alcântara. Pretende-se igualmente a promoção da cidadania e a participação local, capacitando-se lideres locais para a dinamização de atividades em prol dos moradores e da melhoria das condições gerais do Bairro. Apesar de que na Freguesia de Alcântara, dos três bairros de realojamento do Bairro do Casal Ventoso, apenas se concentrar o Bairro do Cabrinha, devido à ligação entre os 3 Bairros, o projeto está pensado para uma atuação do Vale de Alcântara. No entanto a ação da Junta de Freguesia de Alcântara, concentrar-se-á no Bairro do Cabrinha.


Comissão Social de Freguesia

Numa lógica de maximização dos recursos sociais da Freguesia, são periodicamente dinamizados espaços de encontro entre as instituições sociais ou outras entidades, com o objetivo de promover o debate, partilha e procura de respostas potenciadoras do desenvolvimento social da Freguesia.
Visando como objetivo final o combate à pobreza e à exclusão social, é presidida pelo Presidente da Junta de Freguesia de Alcântara, e prevê a promoção da articulação entre Instituições de Solidariedade Social, as Escolas e Infantários, públicos, privados e cooperativos, Associações de Pais, Associações de Moradores, a Força de Segurança Publica e Comerciantes.


Balneário de Alcântara

Situado na Rua Padre Adriano Botelho, é um equipamento municipal gerido pela Junta de Freguesia. Funciona de Terça a Domingo, entre as 7h30 e as 12h30, dividindo-se entre o piso destinado ao género feminino e o piso destinado ao género masculino.
Trata-se de um serviço público totalmente gratuito que não carece de qualquer pré inscrição ou registo, como estratégia para assegurar a salvaguarda da identidade dos beneficiários.
Os banhos incluem a cedência gratuita de toalhas, gel de banho e shampoo, como garante das condições de higiene, bem como a oferta de peças de vestuário.
O Balneário de Alcântara foi construído nos anos 30, durante o Estado Novo, servindo, hoje em dia, uma considerável parte da população de Lisboa e arredores.
Os beneficiários deste serviço dividem-se entre a população sem-abrigo, famílias, em especial idosos cujas habitação ainda não possuem casas de banho e agregados em situação de carência económica. Tem como fator comum, a necessidade de uma resposta que lhes garanta a higiene, salvaguardando a dignidade e as condições básicas de vida.
São aceites doações de todos os tipos de vestuário, calçado, roupas de cama, produtos de higiene, podendo estes ser entregues na Junta de Freguesia ou no Balneário.